Traga a natureza para o seu espaço de meditação em casa

Por Felipe Cincinato

Tempo de leitura: 4 minutos

Um dos métodos mais antigos de relaxamento e harmonização da mente e do corpo é a meditação, e você não precisa pertencer a uma determinada religião para encontrar inúmeros benefícios na meditação, que abrangem áreas mentais, físicas e espirituais. 

E para meditar, nada melhor que estar próximo à beleza e ao frescor da natureza. Há muito se sabe que o poder da natureza e das plantas é benéfico para o nosso ser. De fato, quando o tempo está bom, existem poucas coisas mais pacíficas do que relaxar em um espaço ao ar livre. 

As plantas no ambiente de meditação podem trazer a experiência terapêutica de estar ao ar livre e abrir um espaço para permitir que sua mente se esclareça e sua prática de meditação floresça. 

Portanto, não há dúvidas de que estar junto à natureza ajuda a concentrar a mente e fornece o ambiente ideal para a prática meditativa. 

A ideia é deixar os espaços claros e organizados, com linhas simples e um ambiente confortável para contemplar. Os elementos exatos variam para cada indivíduo, mas o básico é manter as coisas naturais e abertas. O excesso de plantas ou de decoração podem desordenar o espaço e a mente. 

Seja qual for a sua escolha para meditar, confira essas dicas de como trazer um toque de natureza para o seu cantinho de meditação em casa.

1) Um lugar ao sol

Se para fazer o seu cantinho de meditação você aproveitou aquele espaço ao ar livre que estava ocioso, você pode torná-lo mais rústico e acolhedor, utilizando tijolos de barro e os deixando à mostra. Agora, incremente a decoração com elementos naturais, como pedras e madeira, e acrescente plantas, muitas plantas.

Abuse do verde e prefira os vasos de barro, que dão um ar oriental ao ambiente. Apenas tenha atenção na escolha das espécies, elas precisam estar adequadas à quantidade de luz, calor e umidade do local selecionado.

2) Aquele canto de paz e ar puro

Você escolheu um canto da varanda ou terraço para meditar? Uma boa dica é montar um belo jardim vertical. 

Existem muitas variedades diferentes de jardins verticais para escolher e com certeza uma delas caberá no seu espaço de meditação dos sonhos. Para complementar a decoração, vasos com cactos e um tapete de fibras naturais.

3) Compacto e aconchegante

Se você gosta de estar rodeado de verde e acredita que um ambiente repleto de natureza proporciona paz e tranquilidade, mas não mora perto de um lindo parque ou praia, e nem ao menos tem espaço para um pequeno jardim na sua casa, não se preocupe. Você também pode dar um passo adiante e trazer elementos diretamente da natureza para o seu espaço de meditação.

Até mesmo uma pequena sacada pode ganhar ar de aconchego com algumas simples intervenções. Plantas penduradas, pequenos vasos e alguns pufes e almofadas. Pronto, você já tem um pouco de natureza no seu espaço de meditação.

4) Cantinho de fuga, em meio ao caos

E quem disse que as plantas só podem ser acrescentadas em jardins ou varandas? A ideia de aproveitar cada mínimo espaço da casa e criar um cantinho compartilhado, para ler e meditar, ganha ares de frescor e vida quando as folhas verdinhas são adicionadas.

A dica aqui é escolher espécies que se adaptem bem a pouca luz, e exijam mínimos cuidados. Assim, você garante o bem estar e a praticidade no seu ambiente.

5)  Um espaço fresco e elegante

Para quem não abre mão da elegância clássica na ambientação da casa, o espaço de meditação pode ganhar ainda mais vida se adicionadas espécies de plantas em tons de um verde vibrante, e um toque de flores.

Nesse conceito, abuse de vasos e cachepôs de metal ou pedras, que garantem um quê a mais de requinte à decoração.

6) Útil e agradável

Mora em um apartamento pequeno e não encontra um lugarzinho para dedicar à meditação? Nessa inspiração, até mesmo um canto aparentemente sem graça adquire o charme multifuncional, além de um ar de graça e paz com o acréscimo das plantas.

Em espaços pequenos, as cores claras dão sensação de amplitude, e as paletas monocromáticas contrastam bem com o verde das folhas. 

7) Vida e arte se misturam

Sim, as plantas naturais trazem frescor e conforto térmico para o ambiente, e são propícias para o espaço de meditação. Mas se você não tem espaço para mais nada além de uns poucos vasos, e não pode ou não quer interferir nas paredes com um jardim vertical, ainda há solução. A ideia é mesclar alguns vasos com plantas naturais, plantas artificiais e até mesmo arte de plantas.

E para finalizar, decoração em tons de verde vivo, que complementam a tarefa de trazer a natureza para o seu espaço de meditação em casa.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POR UMA VIDA MAIS ZEN
Dicas, inspirações
e novidades!
Experimente o zen por 7 dias
grátis!
Quero testar!