Se você pudesse fazer o que quisesse, o que estaria fazendo nesse momento? 

Às vezes nos colocamos em um ciclo em que não enxergamos a possibilidade de mudar hábitos e até mesmo o caminho. Acreditamos fielmente que a vida que levamos é a única que funciona e que nos traz um certo tipo de controle.

Os nossos sonhos ficam apenas como sonhos e o objetivo mesmo é “tentar matar o leão do dia”. Sim, tentar. Porque nem sempre a gente consegue e está tudo bem.  

Os dias ficam mais pesados, a vontade de fazer algumas coisas somem e o esgotamento emocional chega. Seja pela pressão no ambiente de trabalho ou até mesmo a autocobrança, tudo isso pode fazer a gente duvidar da nossa real capacidade.

Entretanto, o que muitas vezes não nos contam é que é possível melhorar aos poucos, basta mudar hábitos e com isso, recalcular a rota. 

Recalculando a rota

Longe de mim querer que você transforme a sua vida radicalmente em 24 horas, esse texto não trata sobre mudanças bruscas. A pergunta que fiz no começo do texto é apenas uma forma de despertar aquela sensação gostosa que temos ao imaginar a vida ou uma situação que gostaríamos de viver. 

Nem todas as pessoas são privilegiadas a ponto de conseguirem realizar manobras bruscas e mudarem radicalmente sempre que querem. Porém, é possível fazer pequenas escolhas que por si só já começam a mudar a rota da nossa vida. 

Pare por alguns instantes e coloque em uma folha de papel tudo aquilo que você quer para sua vida, sejam elas coisas materiais ou não. Não se limite, apenas escreva. 

Após fazer isso, pratique algo que desperte a felicidade em você. Pode ser comer algo diferente, sair para dar uma corrida, enfim, qualquer coisa. Distraia a sua mente por alguns instantes, no mínimo 1 hora. Depois, volte e reflita sobre cada item que você colocou em sua lista. 

Pergunte-se: será que realmente preciso disso? 

Dependendo do que colocou, é possível perceber que muitas coisas só estão ali para preencher um vazio ou gerar uma sensação de conforto. As coisas que realmente importam acabam por ser simples e que podem de fato serem realizadas. Experimente fazer o seu “Mapa dos Sonhos” e sinta como elas realmente podem acontecer. 

Como mudar hábitos

OK, você deve estar se perguntando agora: e a minha vontade de querer estar ou levar uma vida diferente, como faz? 

Comece a mudar hábitos, com atitudes pequenas que vão gerar grande impacto na sua vida. E nessa mudança você pode escolher mudar ou criar os hábitos saudáveis que quiser. 

Algumas sugestões são: 

  • Ter mais consciência sobre sua alimentação;
  • Incentivar as pessoas que você ama;
  • Dedicar um momento para cuidar de si mesmo;
  • Beber mais água;
  • Aprender algo novo;
  • Ler um capítulo de algum livro por dia; 
  • Elogiar alguém; 
  • Sorrir mais vezes;
  • Ficar alguns momentos sem o celular; 
  • Aprender uma atividade nova, como meditar;
  • Ouvir suas músicas favoritas;
  • Ajudar o próximo realizando trabalho voluntário ou com pequenas atitudes durante o dia;
  • Criar uma playlist com suas músicas favoritas;
  • Praticar o “Exercício da Gratidão“. 

Essas são apenas algumas sugestões para você começar a mudar hábitos. É importante que sinta em seu coração aquilo que realmente faz sentido para você. Confie na sua intuição e se possível, pratique realmente o “Exercício da Gratidão“. 

Sentir gratidão e praticar todos os dias é algo que me ajuda demais e me fez recalcular a rota de forma natural e sem manobras bruscas. Todas as transições que preciso enfrentar se tornam mais fáceis e estão me guiando a um caminho de autorrealização. 

Exercício da Gratidão [Ouvir agora]

tela da meditação "Exercício da Gratidão" para ajudar a mudar hábitos

Nem tudo na vida é fácil, fazer o que se ama é ter ainda mais trabalho e pode gerar uma frustração imensa. E nesses momentos somos atingidos por transtornos como ataque de pânico, crises de ansiedade, depressão, insônia… mas não se desespere. Retome o seu equilíbrio interior e se preciso, procure por ajuda profissional. 

Podemos desejar estar e fazer o que quisermos, mas se pararmos por alguns instantes e agradecer, vamos compreender que estamos onde queríamos estar ontem. Se hoje isso não faz mais sentido, tudo bem. Respire fundo, agradeça e comece a mudar hábitos e pequenas atitudes, para que eles te guiem para a sua nova rota.