Todos os dias somos impactados por um turbilhão de notícias. Pode não parecer, mas as notícias que ouvimos e lemos por aí impactam diretamente na nossa energia vital. É por isso que precisamos falar e também colocar em prática o autocuidado. 

Seja através das redes sociais, televisão ou durante uma conversa despretensiosa, em certo ponto uma dessas notícias pode nos atingir de forma profunda. Fazendo com que a gente se sinta desanimado, um pouco triste e até mesmo adoecendo. 

O autocuidado, como o nome sugere, é o cuidado que se tem consigo mesmo. São atitudes que criamos com o objetivo de preservar e estimular positivamente a nossa saúde como um todo.

Para saber o motivo dela ser tão importante nos dias de hoje e como você pode começar a praticar, continue lendo!

O autocuidado é importante

É preciso reconhecer os próprios limites e estar aberto para mudar hábitos em nome do bem mais precioso que se tem, que é a vida. Dedicar um pouco do seu tempo para se tratar com mais amor e carinho é um investimento extremamente benefício para a tão sonhada qualidade de vida. 

Assim como eu, em algum momento da vida você deve ter adoecido por estar diretamente ligado aos problemas de um amigo ou familiar. Talvez tenha dormido mal por algumas semanas por causa de uma notícia. Pensou que poderia estar fazendo mais pelo próximo ou até mesmo tentou disfarçar um esgotamento emocional com medo de demonstrar alguma fragilidade. 

Primeiro de tudo quero dizer que está tudo bem e que você não precisa salvar o mundo sozinho. Muito menos carregar a responsabilidade por tudo que acontece. Nem ser forte o tempo todo com medo de mostrar a sua vulnerabilidade

Você é uma pessoa incrível só pelo simples fato de querer fazer o bem, de pensar e se importar com o outro. De se permitir sentir e ser tão empático com as coisas que acontecem. Porém, também é preciso cuidar de si mesmo e dar mais atenção a saúde emocional.

Como praticar o autocuidado

Aos poucos a gente vai entendendo que para conseguir ajudar o outro, primeiro precisamos ajudar a nós mesmos. Por mais que a vida siga sem problemas e você esteja em uma situação totalmente segura, é preciso fazer do autocuidado uma rotina.

Essa rotina vai além de criar pequenos rituais que possam melhorar a sua autoestima, são hábitos que você cria para conseguir viver cada vez mais de uma forma tranquila e consciente. Tudo que te ajude a gente a se conectar com a sua essência e te faça bem de alguma forma, vale a pena.

Um banho mais demorado, uma conversa com um amigo querido, não utilizar as redes sociais por alguns dias, começar um livro novo, estar rodeado das pessoas que ama e até mesmo aprender a meditar podem ser uma das infinitas possibilidades que existem quando o assunto é olhar para si com mais carinho.

Vale lembrar que a sua forma de praticar o seu autocuidado provavelmente será diferente do meu e não há problemas nisso. 

No Zen, a gente acredita em diferentes caminhos e que cada pessoa é única, mas que todas elas importam. Então, através dos programas, mensagens e principalmente dos nossos lançamentos semanais, buscamos acolher o máximo de pessoas possíveis.

Disponibilizando diferentes ferramentas e tipos de meditação para que elas possam ter, nem que seja por alguns minutos, um pouco de aconchego, de relaxamento e reconexão com sua essência. Como é o caso do lançamento dessa semana, o “Requalificando as Energias” guiado na voz da cofundadora do Zen, Juliana Goes

Essa é uma daquelas meditações leves, mas com um alto poder transformador. Alivie todo o estresse, tensão, negatividade e angústia que tem atrapalhado os seus dias e eleve a sua vibração energética. 

Requalificando as energias [Ouvir Agora]

tela da meditação guiada "Requalificando as Energias" disponível no Zen para auxiliar no processo de autocuidado
Se você sentir, assim como eu, que esse é o momento para praticar ainda mais o autocuidado no seu dia a dia, dê uma chance ao Zen e baixe o app clicando aqui!

Aproveite e compartilhe esse post com uma pessoa querida que está precisando ter mais cuidado com si mesmo.